Lázaro Barbosa

Lázaro Barbosa: Começa 8º dia de buscas pelo serial killer do DF; Veja como será operação policial desta quarta


Lázaro Barbosa de Sousa é suspeito de matar família na quarta-feira da semana passada. Violento, já fez reféns e baleou policiais na fuga espetacular que mobiliza mais de 200 policiais

Gabriel dos Santos Araujo Dias
Gabriel dos Santos Araujo Dias
Publicado em 16/06/2021 às 7:17
Divulgação/PMDF
FOTO: Divulgação/PMDF
Leitura:

Começa o oitavo dia de buscas por Lázaro Barbosa de Sousa, de 32 anos, suspeito de matar quatro pessoas da mesma família na zona rural de Ceilândia, no Distrito Federal no último dia 9, e conhecido nas redes sociais como “serial killer do DF”. Nesta quarta-feira (16), os policiais prometem fechar o cerco contra o homem que está desafiando a técnica das polícias do Distrito Federal e do Estado de Goiás. O homem invadiu mais uma fazenda na madrugada desta quarta-feira (16).

Mais de 200 homens integram as equipes de buscas pelo paradeiro de Lázaro, que está fortemente armado e é ágil para fugir dos policiais. As buscas se concentram na zona rural do entorno de Brasília. Na terça-feira (15), ele fez reféns em uma chácara da cidade de Edilândia, no estado de Goiás. Imagens de câmeras de segurança de uma propriedade da região flagraram o homem.

>>> Entenda: Por que é tão difícil prender Lázaro Barbosa: Leia aqui os motivos.

De acordo com o governador do DF, Ibaneis Rocha, os melhores homens da polícia estão empenhados na captura do criminoso. De acordo com a TV Globo, policiais à paisana também estão espalhados por fazendas da região na tentativa de capturar o homem.

Uso de helicópteros, drones e cães

Homens à pé são cobertos por helicópteros e drones na busca por Lázaro Barbosa. Há cães farejadores que também estão ajudando na caçada ao bandido. Além de policiais militares, agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e da Polícia Federal (PF) também integram a equipe de buscas.

>>> O que é um serial killer? Entenda significado do termo em inglês.

Na terça-feira (15), policiais fizeram bloqueios em rodovias federais e estaduais que cortam a região na tentativa de interceptar qualquer veículo suspeito. Essa operação deve se repetir nesta quarta-feira.

Fuga pela mata

A fuga de Lázaro é difícil também pelos locais onde ele se esconde, áreas de mata, chácaras e sítios. Desde quando começou a se esconder, o homem já praticou diversos outros crimes como roubos, invasão de propriedade e tentativas de homicídio. Na terça-feira (15), por exemplo, Lázaro fez uma família refém em Edilândia, Goiás, e acredita-se que ele queria matar os reféns.

Na madrugada desta quarta-feira, Lázaro invadiu uma fazenda a 8km de distância de Edilândia, em Goiás. Ele fez comida e fuiu em seguida.

>>> Maior serial killer da história matou 90 pessoas; veja história.

Entenda o caso

Lázaro é suspeito de invadir uma chácara no município de Ceilândia, no Distrito Federal e matar um empresário e dois filhos. Ele Na fuga, ele teria levado a mãe da família como refém. O corpo da mulher foi encontrado no último sábado (12). Desde então, ele é procurado pela polícia, já disparou contra policiais - ferindo dois deles - fez vários reféns e está deixando um rastro de terror na zona rural de Brasília.


Mais Lidas