Caso Lázaro Barbosa

Lázaro Barbosa não agiu sozinho, e fazendeiro era um dos líderes da quadrilha, diz secretário; veja como será investigação

Fazendeiro preso de 74 anos pode ter relação, inclusive, com a chacina contra a família de Ceilândia, que culminou no início das buscas por Lázaro

Gabriel dos Santos Araujo Dias
Gabriel dos Santos Araujo Dias
Publicado em 28/06/2021 às 12:19
Reprodução
FOTO: Reprodução
Leitura:

Lázaro Barbosa de Sousa não era um lobo solitário, segundo as investigações do caso que mobilizou, durante 20 dias, cerca de 270 policiais e chamou atenção do país inteiro. Nesta segunda-feira (28), pouco após a confirmação da morte do criminoso, o secretário de Segurança Pública de Goiás, Rodney Miranda, foi claro: "as investigações vão continuar".

Na avaliação de Miranda, Lázaro recebia uma rede de apoio. Não se sabe, por enquanto, o que motivava o possível grupo. Um dos principais líderes, segundo o secretário, é Elmi Caetano, de 74 anos, o fazendeiro que foi preso na semana passada, suspeito de dar comida e abrigo para Lázaro, em sua fazenda, no distrito de Girassol, em Cocalzinho de Goiás.

"As investigações não acabam aqui. Ainda temos algumas pessoas para investigar e prender. Mas o principal, que seria o empresário ´[Elmi], que é um dos líderes da organização, e o psicopata [Lázaro], esses não são mais problema para essa comunidade", disse Rodney.

Fazendeiro de 74 anos foi preso, suspeito de ajudar Lázaro Barbosa a fugir.
Fazendeiro de 74 anos foi preso, suspeito de ajudar Lázaro Barbosa a fugir.
Reprodução/TV Globo

Questionado se Elmi teria relação com a chacina da família Vidal, no último dia 9, em Ceilândia, no Distrito Federal, crime que motivou o início das buscas contra Lázaro, Rodney respondeu: "Estamos investigando. Hoje, nós encerramos mais uma etapa, porque a população vai restabelecer sua normalidade, mas ainda temos mais gente a buscar e vamos buscar. Vamos atrás deles. Agora, sai a força intensiva e fica o trabalho investigativo até a gente ir até o último envolvido nesse crime", afirmou Rodney.

>>> Veja como foram os últimos momentos de vida de Lázaro Barbosa.

"Outra [linha de investigação] é que ele [Lázaro] atuava como jagunço ou segurança de algumas pessoas", disse Rodney.

Ex-sogra e ex-companheira

Lázaro foi encontrado nas proximidades da casa de uma ex-sogra dele na zona rural de Águas Lindas. Ainda não é possível atestar se a mulher e a filha dela, uma ex-companheira com quem Lázaro teria um filho, ajudaram na fuga do criminoso. As mulheres foram levadas à delegacia para prestar esclarecimentos.

Rede de apoio a Lázaro

O secretário disse também que Lázaro tinha R$ 4.400 no bolso, no momento em que foi capturado. Além disso, o criminoso estava trocando de roupa, de acordo com as investigações, o que, para o secretário, reforça a hipótese de que, além de Elmi Caetano, outras pessoas ajudavam Lázaro a fugir.

Lázaro Barbosa, de 32 anos, ficou conhecido como
Lázaro Barbosa, de 32 anos, ficou conhecido como
Reprodução/TV Jornal

>>> Policial que participou de operação contra Lázaro Barbosa comemora.

Rodney reforçou que Lázaro descarregou uma pistola contra os policiais, na operação da manhã desta segunda-feira (28), e que, baleado, o homem morreu no hospital.

Mais Lidas