Vulcão nas Ilhas Canárias

Vulcão nas Canárias: Lava de 6 metros de altura e 1000ºC, vulcão com 7 fissuras e muita lava ainda por vir; veja curiosidades

Vulcão Cumbre Vieja, nas Ilhas Canárias, entrou em erupção no último domingo (19). Apesar de imagens impressionantes e destruição ambiental na ilha, não há alerta de tsunami

Gabriel dos Santos Araujo Dias
Gabriel dos Santos Araujo Dias
Publicado em 20/09/2021 às 7:40
Reprodução/TV Canaria
FOTO: Reprodução/TV Canaria
Leitura:

Adormecido há décadas, o vulcão Cumbre Vieja, nas Ilhas Canárias, na costa oeste da África, entrou em erupção no domingo (19), chamando a atenção do mundo. Primeiro por obrigar milhares de pessoas a deixarem suas casas na ilha de La Palma. Em segundo lugar, pelas imagens incríveis da espetacular força da natureza. Confira nesta reportagem algumas curiosidades desse fenômeno.

Lava com 6 metros de altura

Extremamente quente, o fluxo de lava que escorre a partir do vulcão tem, em média, 6 metros de altura. Isso é mais que suficiente para corroer árvores e até residências. De acordo com a imprensa local, no domingo, 20 casas já haviam sido derretidas pelo material. Especula-se que esse número já tenha subido para cerca de 100 residências.

>>> Vulcão: Confira últimas notícias dessa segunda-feira (20).

"Um fluxo de lava com uma altura média de seis metros corrói literalmente casas, infraestruturas, colheitas que encontra no caminho", disse presidente do Conselho Municipal de La Palma, Mariano Hernández Zapata.

 

Vulcão tem 7 fissuras

O Instituto Volcanológico de Canarias (Involcan) informou que, inicialmente, havia duas fissuras por onde a lava saia de dentro do Cumbre Vieja. Poucas horas mais tarde, entretanto, esse número subiu para sete. Isso demonstra a força do magma e a necessidade de evacuação da região, uma vez que a lava corre em várias direções diferentes.

De acordo com o El País, pelo menos 5 mil pessoas já deixaram suas casas e esse número pode subir para até 10 mil. No total, a Ilha de La Palma, onde o Cumbre Vieja está localizado, tem 85 mil habitantes. Felizmente, até a última atualização desta reportagem, não havia informações sobre feridos ou mortos, vítimas do vulcão.

 

Muita lava ainda por vir

Não há previsão para quando o vulcão vai deixar de cuspir fogo. Por outro lado, na noite do domingo (19), autoridades canárias afirmaram em uma coletiva de imprensa que ainda são esperados pelo menos entre 17 e 20 milhões de metros cúbicos de lava, que vão sair da erupção.

 

Sem tsunami!

Especialistas ouvidos pelo jornal O Globo acreditam ser impossível haver uma tragédia no Brasil causada por essa erupção. "Essa erupção está associada a pequenos abalos sísmicos, mas que são de pequena magnitude, em torno de 3,8º na escala Richter. Para ocorrer um tsunami, teria que ser um abalo mais alto, da ordem de seis, sete e daí pra cima. Os abalos sísmicos relacionados ao vulcão não devem como consequência os tsunamis", disse o professor e geólogo André Avelar, do Departamento de Geografia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Mais Lidas