Pagamentos

Qual é o aplicativo do Auxílio Brasil?

O Auxílio Brasil começa a ser pago em novembro

Karina Costa Albuquerque
Karina Costa Albuquerque
Publicado em 11/11/2021 às 10:09
Marcello Casal Jr./ABr
FOTO: Marcello Casal Jr./ABr
Leitura:

O Auxílio Brasil, novo programa social criado pelo governo, começará a ser pago no próximo dia 17. Para valer definitivamente, a medida provisória (MP) do programa precisa ser aprovada pelo Congresso, até 7 de dezembro, 120 dias após a edição do dispositivo.

>> Como se inscrever no Auxílio Brasil?

>> Onde consultar o Auxílio Brasil? Como saber se fui aprovado no Auxílio Brasil?

Qual é o aplicativo do Auxílio Brasil?

O Auxílio Brasil ainda não tem um aplicativo exclusivo. No entanto, alguns aplicativos são úteis para quem vai receber. Um deles é o Meu CadÚnico, que permite a consulta da inscrição no Cadastro Único do governo e, consequentemente, no Auxílio Brasil. Também é possível atualizar as informações familiares, um dos requisitos para se receber o Auxílio Brasil.

Além disso, a população deverá receber o Auxílio Brasil pela poupança digital da Caixa Econômica Federal, como é feito hoje com o Bolsa Família. Assim, outro aplicativo importante é o Caixa Tem.

Como saber se estou no Cadastro Único, se meu cadastro está atualizado e se vou receber o Auxílio Brasil?

Para quem quer saber se vai receber o Auxílio Brasil, o primeiro passo é conferir se já possui o CadÚnico. Para isso, estão disponíveis quatro opções:

  1. o site: www.meucadunico.cidadania.gov.br/meu_cadunico;
  2. o aplicativo Meu CadÚnico
  3. agendamento de um horário para o atendimento no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do seu município
  4. ligar para o telefone 0800 707 2003 e selecionar a opção 5.

Para qualquer uma dessas opções é necessário ter em mãos os documentos pessoais da pessoa que é responsável pela família.

Se você escolher fazer a consulta pelas plataformas virtuais, acesse com seu computador ou celular e siga o seguinte passo a passo:

  1. informe o nome completo,
  2. registre a data de nascimento,
  3. depois, informe o nome da mãe,
  4. também é preciso registrar qual é o estado e o município onde reside;
  5. clique no botão “Não sou robô”;
  6. finalize o pedido de acesso clicando em “emitir certidão”.

Você será direcionado à uma página onde haverá todas as informações sobre a sua inscrição no CadÚnico, inclusive se ela está atualizada. Lembre-se que para participar do programa Auxílio Brasil é necessário que todos os dados estejam atualizados há, pelo menos, dois anos ou caso tenha alguma mudança dos dados familiares.

Verifique no sistema informações como endereço, telefone, renda mensal, além de eventos de nascimento, adoção ou falecimento. Caso estejam desatualizados, regularize o cadastro o quanto antes para receber o Auxílio Brasil.

Como é o pagamento via Caixa Tem?

O funcionamento de recebimento e saque deve seguir o mesmo modelo do auxílio emergencial e do Bolsa Família. Isso significa dizer que o beneficiário deve estar vinculado à plataforma.

Uma vez conectado, basta informar seu login de acesso para fazer pagamentos virtuais, transferências, etc. Já o saque ocorre da seguinte forma:

  • O saque é realizado sem cartão, então, clique no botão “Entra” do teclado do caixa eletrônico
  • Clique no botão “Saque Auxílio Emergencial”
  • Digite o número do seu CPF e clique no botão “Confirmar”
  • Digite o código de seis dígitos que foi gerado no aplicativo Caixa Tem e aperte o botão “Confirmar”
  • Escolha um valor para saque e aperte o botão “Entra”
  • Aguarde a liberação do dinheiro

Mais Lidas