Sport encara o Petrolina com três desfalques

O confronto é válido pela oitava rodada do Campeonato Pernambucano

SPORT
Sport encara o Petrolina com três desfalques

Os titulares do Sport devem ser: Luan Polli; Raul Prata, Rafael Thyere, Adryelson e Luciano Juba; William Farias, Rithely e Lucas Mugni; Yan, Marquinhos e Hernane Brocador. - Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem

Pedro Alves | Davi Saboya

O Sport enfrenta o Petrolina fora de casa pelo Campeonato Pernambucano. O Leão vai em busca da segunda vitória consecutiva com Daniel Paulista no comando técnico. A partida será realizada nesta quarta-feira (4), às 20h. Atualmente, o Rubro-negro ocupa a a quinta colocação do Estadual com dez pontos conquistados, enquanto a equipe Sertaneja se encontra na oitava colocação com seis pontos ganhos. Em caso de vitória e combinação de alguns resultados, o Sport pode assumir a vice-colocação do Pernambucano.

No entanto, o técnico Daniel Paulista vai ter quatro desfalques. São eles: o zagueiro Rafael Thyere, o lateral-esquerdo Sander, o volante Marcão e o atacante Leandro Barcia. Dos lesionados, três são considerados titulares. Para assumir os espaços deixados por esses jogadores, o treinador rubro-negro optou pela entra de Cleberson na zaga, Luciano Juba na lateral-esquerda e Yan no ataque. 

Os titulares do Sport devem ser: Luan Polli; Raul Prata, Rafael Thyere, Adryelson e Luciano Juba; William Farias, Rithely e Lucas Mugni; Yan, Marquinhos e Hernane Brocador.

Na décima edição do Nordestão Cast foi analisado as principais contratações das equipes do Nordeste, entre elas o Sport. Confira:

E o atacante Yan, que substitui um dos principais jogadores do Sport, o uruguaio Leandro Barcia, inicia um duelo pela primeira vez sob o comando do técnico Daniel Paulista. E no último treino no Recife antes do duelo, o treinador conversou bastante com o camisa 20. "O Daniel conversou muito comigo porque é a primeira vez que começo um jogo com ele. Então ele me passou muito das movimentações táticas que ele gosta, me passou liberdade dentro de campo para eu me sentir confortável e fazer uma boa partida. Todo atacante se cobra para fazer gol. Mas eu me cobro mais pela vitória, gosto de ganhar. Então independente de fazer gol ou não, a equipe ganhando eu fico feliz", pontuou o atacante.

Antes do jogo contra o Afogados no último sábado, o Sport estava fora até mesmo da zona de classificação para o mata-mata do Campeonato Pernambucano. Pior: o Leão ocupava a sétima posição, o que significa que jogaria o quadrangular do rebaixamento no Estadual, que seria um dos maiores vexames da história do clube. No entanto, após a vitória, a equipe rubro-negra voltou a respirar e a matemática permite que o sonho de uma classificação direta para a semifinal seja possível - apesar de ser bem difícil.

"A gente sabe que o futebol é dinâmico. Em uma semana a gente pode mudar tudo. Pode terminar a primeira fase do Campeonato Pernambucano em segundo. E a gente sabe que isso é importante. A gente tem trabalhado bastante. O Daniel chegou aí e vem dando confiança para a gente porque a fase tava complicada. Então a gente espera virar essa chave. Fazer bons jogos e ganhar os jogos que é o mais importante para cada vez mais ter confiança, desempenhar um papel normalmente e ter sequência no campeonato", comentou o atacante Yan.

Petrolina

Com seis pontos e ocupando a oitava posição, o Petrolina vem de dois empates: 1x1 diante do Vitória e Central. Com apenas uma vitória até aqui no Estadual, a Fera Sertaneja precisa reagir o mais rápido possível se quiser escapar do quadrangular do rebaixamento. No ano passado, o Petrolina conseguiu classificação direta para o mata-mata e foi eliminado pelo próprio Sport nas quartas de final.

Ficha do jogo

SPORT: Luan Polli; Raul Prata, Rafael Thyere, Adryelson e Luciano Juba; William Farias, Rithely e Lucas Mugni; Yan, Marquinhos e Hernane Brocador. Técnico: Daniel Paulista.

PETROLINA: Tigre; Jô, Nildo, Marcos Arthur e Wallace; Romário, Cícero Matheus e Bruninho; Dênis, João Douglas e Hudson.  Técnico: Higor Cesar.

LOCAL: Estádio Paulo Coelho. HORÁRIO: 20h. ÁRBITRO: Rodrigo Pereira. ASSISTENTES: Bruno Vieira e Humberto Martin.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.