Profissionais de educação física organizam protesto para cobrar reabertura de academias

Por conta do risco de infecção pelo novo coronavírus, as academias estão fechadas há três meses

FLEXIBILIZAÇÃO
Profissionais de educação física organizam protesto para cobrar reabertura de academias

Academias estão sem previsão para serem reabertas - Foto: Cirio Gomes/TV Jornal

Pela reabertura das academias, profissionais de educação física organizam um protesto previsto para acontecer na próxima quinta-feira (2), com concentração marcada às 11h em frente da padaria Boa Viagem, na Zona Sul do Recife. O grupo deve sair em carreata até o Palácio do Campo das Princesas, no bairro de Santo Antônio na área central do Recife. 

Por conta da pandemia causada pelo novo coronavírus, as academias estão fechadas há três meses. 

Os profissionais de educação física alegam que as academias estão prontas para atender todos os protocolos. Pelo plano estadual de convivência com a covid-19 o setor está na etapa 6, que não tem data prevista.  

O presidente do Conselho Regional de Educação Física, Lúcio Beltrão, critica o fato desses profissionais serem os únicos do setor de saúde que estão parados no momento. “A gente vai fazer uma manifestação pacífica, lutando pelos nossos direitos de cuidar da saúde física e mental da população. Hoje a gente tem números péssimos de sedentarismo e obesidade (...) Somos a única profissão de saúde que está em casa, sem trabalhar”, criticou.

No entanto, segundo ele, as clínicas médicas que têm profissionais de educação física, esses foram liberados para trabalhar. 

Coronavírus em Pernambuco 

Em novo boletim epidemiológico divulgado nesta segunda-feira (29), a Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) confirmou 369 novos casos de coronavírus em Pernambuco. Entre os confirmados nesta segunda, 283 (77%) são casos leves, ou seja, pacientes que não demandaram internamento hospitalar e que estavam na fase final da doença ou já curados. Outros 86 (23%) se enquadram como Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG). Agora, Pernambuco totaliza 58.476 casos já confirmados, sendo 19.354 graves e 39.122 leves.

Também foram confirmados 31 óbitos, ocorridos desde o dia 1º de maio. Com isso, o Estado totaliza 4.782 mortes pela doença

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.