Isabella Nardoni

Mãe de Isabella Nardoni envia mensagem de apoio ao pai de Henry Borel; veja como foi a conversa


Ana Carolina Oliveira, mãe de Isabella Nardoni, conversou com Leniel Borel, pai de Henry, pelo WhatsApp

Gabriel dos Santos Araujo Dias
Gabriel dos Santos Araujo Dias
Publicado em 13/04/2021 às 12:02
Reprodução
FOTO: Reprodução
Leitura:

A mãe da menina Isabella Nardoni, Ana Carolina Oliveira, conversou com o pai do menino Henry Borel e se solidarizou pela morte do garoto de 4 anos de idade. De acordo com a revista Marie Claire, os dois conversaram pelo aplicativo WhatsApp.

"Eu mandei na sexta-feira (09/04), uma mensagem pelo WhatsApp ao Leniel Borel, pai do Henry. Meu coração estava esperando para fazer isso. Eu me coloquei no lugar dele", disse Ana, segundo a Marie Claire.

>>> Veja como Alexandre Nardoni está hoje, 13 anos após ser preso por matar a filha Isabella.

Segundo a mãe de Isabella, os dois conversaram sobre a dor de perder um filho. "Na troca de mensagens com o Leniel, ele me disse: 'Você não sabe como suas palavras são importantes neste momento. Está sendo muito difícil. Não paro de pensar no meu filho. Além do meu filho, eles levaram a minha paz’.”, revelou Ana Carolina.

"Tentamos procurar algo que justificasse a morte e que não fosse o que de fato é. Isso logo no começo, quando há a notícia da morte. É natural procurar um assassino, um culpado - e que ele não seja quem deveria proteger e dar amor . No primeiro momento, você não culpa o pai ou a mãe. Nós simplesmente não queremos acreditar no que está acontecendo", comentou Ana.

Para a revista Piauí, Ana Carolina disse que viu semelhanças entre os dois casos, ao assistir uma entrevista de Monique Medeiros (mãe de Henry) e Dr. Jairinho (padrasto) concedida à TV Record. “Senti frieza, uma emoção falsa e versão combinada dos fatos. Naquele momento, pense o pior mesmo e vi semelhanças com o ocorrido com a minha filha, Isabella. Por mais que as pessoas se ensaiem, criando uma versão falsa para o crime, a verdade não consegue ser escondida nem por elas iguais", disse.

Como superar?

Para superar a dor da perda, Ana Carolina buscou ajuda na fé e com profissionais de saúde. Hoje, ela está casada e tem dois filhos: um de quatro anos de idade e outra de 1 aninho. "A minha filha Isabella completaria 19 anos no dia 18 de abril. Nessas datas, por mais fortes que sejamos, o coração fica muito apertado", disse.


Mais Lidas