BBB 22

BBB 22: Novo apresentador, Tadeu Schmidt é irmão de Oscar Schmidt, mas teve grande frustração com esporte; entenda motivo


Famoso como jornalista esportivo, Tadeu Schmidt só encontrou nova profissão após derrota nas quadras

Gabriel dos Santos
Gabriel dos Santos
Publicado em 09/12/2021 às 17:15
Notícia
TV Globo
Tadeu Shmidt será o apresentador do BBB22 - FOTO: TV Globo
Leitura:

Tadeu Schmidt ficou famoso como jornalista esportivo e apresentador do Fantástico, mas o que poucos sabem é que esse não era o sonho do novo apresentador do Big Brother Brasil. Antes da faculdade de comunicação, o que ele queria mesmo era ser jogador de vôlei. 

Tadeu, que nasceu em Natal, no Rio Grande do Norte, treinou vôlei até os 17 anos. Ele sonhava em ser um atleta de alto rendimento como o irmão Oscar Schmidt, e treinava como levantador de vôlei.

Reprodução/Globo
Tadeu Schmidt foi jogador da seleção de vôlei - Reprodução/Globo

No entanto, com aquela idade, ele foi cortado da seleção brasileira infanto-juvenil. "O vôlei era o que eu pensava em fazer da minha vida. Por falar em cabelo... e sobrancelha. Eu pensava em vôlei... não pensava em outra coisa da vida. Nunca tinha pensado em ser jornalista, médico, advogado, nunca tinha pensado em ser nada, eu queria ser jogador de vôlei", contou Tadeu em entrevista ao Corujão da TV Globo, em 2014.

>>> Neto de Silvio Santos vai participar do BBB22? Veja quem e detalhes.

"Todo mundo da minha família é esportista. Meu pai jogou vôlei, foi atleta do Fluminense, fazia salto em altura, arremesso de peso – era atleta. Minha mãe, também: jogou vôlei.”, contou ao Memória Globo. 

"Comecei a jogar com nove anos e aos dezessete fui convocado para essa seleção. Treinei vários meses com essa seleção, junto com o Nalbert, mas eu fui cortado. O Nalbert foi o melhor jogador do mundial juvenil e eu fui cortado. Aí eu desisti de jogar, fiquei muito decepcionado por ver meus colegas sendo campeões mundiais no infanto-juvenil. Aí eu desanimei: "não levo jeito para esse negócio". E a minha comparação era muito cruel, o Oscar com quinze anos estava na seleção adulta, eu com dezessete fui cortado da infanto-juvenil. Ai eu falei: "vou fazer outra coisa da vida"", disse Schmidt. 

Jornalismo

Depois da decepção com o vôlei, Tadeu Schmidt decidiu cursar comunicação em Brasília, onde morava na época. 

...

Tadeu Schmidt começou no jornalismo em um estágio na Radiobrás, durante o penúltimo ano da faculdade. Em seguida, trabalhou por um mês na Rádio Nacional e, depois, entrou na TV Nacional. Lá, ele ficou um ano como estagiário e teve a primeira experiência como repórter, quando acompanhou os jornalistas durante reportagens.

Depois da formatura, Tadeu Schmidt foi para o DFTV, telejornal local da Globo de Brasília. Ele cobriu o noticiário geral, no entanto sabia o que queria:

“Quando tinha uma reportagem de esporte, naturalmente as pessoas me colocavam para cobrir, pelo meu passado e pelo passado da minha família. O esporte ficou mais fácil para mim, também, porque é mais fácil fazer reportagem, fazer jornalismo com aquilo que você conhece mais – e o que eu mais conheço, sem dúvida, é o esporte.”

Big Brother

 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Tadeu Schmidt (@tadeuschmidt)

Depois de fazer sucesso no Fantástico, Tadeu Schmidt foi transferido para o BBB 22. A 22ª edicação do reality show de maior audiência do país começa em janeiro e você vai conferir a cobertura completa aqui no site da Rádio Jornal.

Comentários


Mais Lidas