DINHEIRO EXTRA

FGTS: bancos oferecem antecipação do saque-aniversário; veja como fazer e saiba se vale a pena


O saque-aniversário é uma das modalidades mais comuns para retirada de recursos do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS)

Marcelo Aprígio
Marcelo Aprígio
Publicado em 19/01/2022 às 11:58
Notícia
MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL
A Caixa Econômica Federal, que administra o FGTS, por exemplo, anunciou linha de crédito para a modalidade - FOTO: MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL
Leitura:

Uma das modalidades mais comuns para retirada de recursos do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) é o saque-aniversário, liberado anualmente no mês de nascimento do trabalhador com saldo no fundo. No entanto, vários bancos têm oferecido um meio de antecipação desses valores a quem precise dele com mais urgência.

A Caixa Econômica Federal, que administra o FGTS, por exemplo, anunciou linha de crédito para a modalidade. Com isso, os trabalhadores podem antecipar até três anos do Saque-Aniversário de forma totalmente digital, diretamente pelo aplicativo, com valor mínimo para contratação de R$ 500.

O empréstimo é disponibilizado aos clientes que fizeram a adesão ao saque-aniversário do FGTS, de contas ativas ou inativas do FGTS. Também é preciso indicar a Caixa como instituição financeira autorizada a oferecer a linha de antecipação do saque-aniversário, procedimento que também pode ser feito pelo Caixa Tem.

Os valores antecipados ficam disponíveis ao cliente no dia útil seguinte à contratação.

Várias instituições financeiras aderiram a essa modalidade de empréstimo, porém, antes de contratar, é importante verificar a taxa de juros de cada banco. Confira abaixo:

Banco do Brasil

O BB permite a antecipação de até 3 anos do Saque-Aniversário.

Valor mínimo do empréstimo: R$ 1.000,00;
Taxa de juros: 0,99%/mês.

BMG

O BMG antecipa até 5 anos do Saque-Aniversário.

Valor mínimo de empréstimo: não informado;
Taxa de juros: 1,99%/mês.

C6 Bank

O banco digital permite antecipar até 7 anos do Saque-Aniversário.
Valor mínimo de empréstimo: não informado;
Taxa de juros: a partir de 0,99%/mês.

Mercantil do Brasil

O banco permite sacar até 5 anos do Saque-Aniversário.

Valor mínimo do empréstimo: não informado;
Taxa de juros: 1,99%/mês.

Safra Financeira

Assim como a maioria das instituições que trabalham com essa modalidade de crédito, o banco Safra permite antecipar até 5 Saques-Aniversário.

Valor mínimo do empréstimo: não informado;
Taxa de juros: 1,99%/mês.

Santander

O banco permite a antecipação de apenas 1 Saque-Aniversário.

Valor mínimo do empréstimo: R$ 500,00;
Taxa de juros: 1,69%/mês.

Veja quanto você vai receber

A quantia que será liberada todo ano para quem migra para o saque-aniversário depende do saldo somado de suas contas no fundo de garantia (para quem tiver mais de uma). Há sete faixas de pagamento. Para trabalhadores com saldo acima de R$ 500, é acrescida uma parcela adicional fixa em reais, além de um percentual do fundo, conforme a tabela abaixo.

As sete faixas do saque-aniversário

Valor do saldo (em R$) % do saldo que pode ser sacado Parcela adicional fixa Saque total no piso da faixa Saque total no topo da faixa
Até R$ 500 50% 0 ----- R$ 250
De R$ 500,01 a R$ 1.000 40% R$ 50 R$ 250 R$ 450
De R$ 1.000,01 a R$ 5.000 30% R$ 150 R$ 450 R$ 1.650
De R$ 5.000,01 a R$ 10.000 20% R$ 650 R$ 1.650 R$ 2.650
De R$ 10.000,01 a R$ 15.000 15% R$ 1.150 R$ 2.650 R$ 3.400
De R$ 15.000,01 a R$ 20.000 10% R$ 1.900 R$ 3.400  R$ 3.900
Acima de R$ 20.000,01 5% R$ 2.900 R$ 3.900 ilimitado

Vale a pena?

Na avaliação do personal financeiro Leandro Trajano, a antecipação do saque-aniversário dependerá do objetivo. Sefundo ele, antecipar para tentar quitar dívidas, colocar contas em dia ou motivos e necessidades de força maior são bons motivos.

“Mas se for simplesmente para guardar ou gastar com supérfluos, viagens, compras de eletrônico, absolutamente não. [A pessoa] estará abrindo mão de um valor que poderá ser bastante útil adiante”

Na mesma linha, o economista e professor do Unit-PE Edgard Leonardo Lima afirma que é importante lembrar ao trabalhador que isto implica em um custo que pode fazer impactar nas contas futuras.

“Caso o trabalhador realmente preciso quitar alguma dívida que tenha juros pesados, pode utilizar a antecipação, pois via de regra apresenta juros mais baixos que outras modalidades de crédito pessoal. Todavia, antecipar o valor a receber meramente para consumo, realmente não é uma boa opção”, frisa ele.

Como optar pelo saque-aniversário?

A opção pode ser realizada no aplicativo do FGTS, no site fgts.caixa.gov.br, no internet banking da Caixa ou nas próprias agências.

Os trabalhadores que escolherem o saque-aniversário até o último dia do mês de seu nascimento poderão receber o valor no mesmo ano. Ou seja, quem nasceu em janeiro, por exemplo, tem até o próximo dia 31 para escolher a modalidade e receber o dinheiro ainda em 2022.

A migração não é obrigatória. Quem não fizer a adesão, permanecerá na regra do saque-rescisão, que permite acesso ao fundo para compra da casa própria, aposentadoria e demissão sem justa causa, além de outras situações previstas em lei.

Comentários


Mais Lidas