Interior | MAIS UM

Caixa eletrônico do Bradesco é explodido em Orobó, no Agreste


Assaltantes explodiram o caixa e conseguiram fugir

Publicado em 23/02/2017, às 07:58

Rádio Jornal
Rebeca Montenegro

Foto: Reprodução

Assaltantes armados invadiram a agência do banco Bradesco de Orobó, no Agreste do Estado, durante a madrugada desta quinta-feira (23), e explodiram um caixa eletrônico. A mesma agência já havia sido alvo de criminosos e ficado completamente destruída em julho de 2014.

De acordo com a Polícia Militar, a quadrilha entrou no local por volta das 3h da manhã e acabou fugindo após a ação sem ser identificada. No local, os policiais encontraram cápsulas de armas de grosso calibre. A polícia não confirmou a quantia que foi levada.



População assustada


Os moradores da região relataram que ouviram duas grandes explosões, além de disparos de arma de fogo. A explosão também danificou a estrutura do prédio onde está localizada a agência. O local está isolado para a perícia do Instituto de Criminalística (IC).

Saiba mais na reportagem de Alfredo Neto:

Recomendados para você

Publicidade

Comentários

Interior

Caixa eletrônico do Bradesco é explodido em Orobó, no Agreste



Publicado em 23/02/2017, às 07:58


Rádio Jornal
Rebeca Montenegro

[IMAGEM]

Assaltantes armados invadiram a agência do banco Bradesco de Orobó, no Agreste do Estado, durante a madrugada desta quinta-feira (23), e explodiram um caixa eletrônico. A mesma agência já havia sido alvo de criminosos e ficado completamente destruída em julho de 2014.

De acordo com a Polícia Militar, a quadrilha entrou no local por volta das 3h da manhã e acabou fugindo após a ação sem ser identificada. No local, os policiais encontraram cápsulas de armas de grosso calibre. A polícia não confirmou a quantia que foi levada.

População assustada


Os moradores da região relataram que ouviram duas grandes explosões, além de disparos de arma de fogo. A explosão também danificou a estrutura do prédio onde está localizada a agência. O local está isolado para a perícia do Instituto de Criminalística (IC).

Saiba mais na reportagem de Alfredo Neto:

[uolmais_audio 16147140]