OLINDA

Homem da Meia Noite cancela desfile de 90 anos no Carnaval 2022

Diretoria do Homem da Meia Noite chegou a fazer uma coletiva, no começo de novembro, para dar detalhes sobre o desfile para o Carnaval de 2022

Ísis Lima
Ísis Lima
Publicado em 30/11/2021 às 15:00
Notícia
Felipe Ribeiro/ JC Imagem
Desfile do Homem da Meia Noite arrasta público fiel - FOTO: Felipe Ribeiro/ JC Imagem
Leitura:

O presidente do Homem da Meia Noite anunciou, nesta terça-feira (30), o cancelamento do desfile da agremiação no Carnaval 2022. O calunga completa 90 anos no próximo ano e uma coletiva chegou a ser realizada, no começo de novembro, para anunciar a celebração que terá como tema "Ferver: uma homenagem ao nosso frevo".

A diretoria explicou que a decisão foi tomada após uma avaliação do cenário atual da pandemia da covid-19 no Brasil. "O momento ainda é de muita cautela e o clube acredita que o fundamental é preservar vidas. Agradecemos a compreensão de todos os apaixonados pelo Calunga. Em 2022, estaremos todos juntos, de uma forma ou de outra, para celebrar os 90 anos do Gigante. Mas a vida em primeiro lugar. Acreditando sempre em dias melhores", afirmou a nota do bloco. 

>> 'Terceira dose não tem nada a ver com o Carnaval', afirma médico

>> Carnaval é cancelado em pelo menos 70 cidades: Confira municípios que disseram não ao carnaval 2022

Em 2021, também por conta da pandemia da covid-19, o calunga não saiu às ruas.

Assista o vídeo divulgado pelo presidente: 

 

O que se sabe sobre o Carnaval 2022 em Pernambuco?

Em coletiva de imprensa realizada na última quinta-feira (25), o secretário Estadual de Saúde, André Longo, disse que a realização ou não do Carnaval 2022 em Pernambuco está em debate no comitê, que se reúne semanalmente para discutir diversos temas, inclusive a possibilidade de festas de réveillon e o próprio festejo carnavalesco. "Estamos discutindo cenários para esses eventos, mas é certo que neste momento ainda é cedo para tomarmos decisões acerca desses eventos, especialmente do carnaval, que se realiza de forma concomitante, neste ano [2022], no final de fevereiro, com nosso período de maior sazonalidade de ocorrência de doenças respiratórias", comentou.

Ainda conforme o secretário, os municípios podem fazer seus planejamentos, mas a definição sobre a realização do Carnaval 2022 vai levar em conta as condições sanitárias. "Esses eventos, na maioria, são promovidos pelos municípios. O Governo do Estado entra com o apoio de recursos financeiros e da segurança pública. Os municípios podem fazer seus planejamentos, mas a definição quanto a isso vai levar em conta as condições sanitárias e a segurança sanitária que não traga prejuízo às vidas de pernambucanos e pernambucanas. Esse sempre foi o norte principal do nosso comitê de enfrentamento à Covid-19", afirmou.

Comentários

Mais Lidas