CRIME

VÍDEO flagra momento em que MÉDICO ANESTESISTA estupra grávida durante parto; imagens ajudaram no flagrante

As imagens mostram a paciente deitada na maca e inconsciente, enquanto a equipe inicia a cesariana.

Pedro Lima
Pedro Lima
Publicado em 11/07/2022 às 19:44 | Atualizado em 12/07/2022 às 8:06
Notícia
REPRODUÇÃO
GRAVAÇÃO Desconfiadas do comportamento de Giovanni Quintella, colegas de trabalho esconderam celular na sala de parto e filmaram abuso. Imagens foram entregues à polícia - FOTO: REPRODUÇÃO
Leitura:

Nesta segunda-feira (11), foi revelado que um médico anestesista estuprou uma paciente durante um parto cesáreo.

Giovanni Quintella Bezerra, de 32 anos, foi preso em flagrante. O ato foi gravado por funcionárias que estavam dentro do bloco cirúrgico e já desconfiavam do crime.

O caso aconteceu no Hospital da Mulher Heloneida Studart, em São João de Meriti, Baixada Fluminense, no Rio de Janeiro.

Nas imagens é possível ver a paciente deitada na maca e inconsciente, enquanto a cesariana é realizada pela equipe.

..

DENÚNCIA

Enfermeiras e técnicas de enfermagem da unidade pública de saúde teriam desconfiado do comportamento e da quantidade de sedativo que o médico deu para grávidas em duas outras cirurgias, realizadas no domingo (10).

Na terceira operação, ele foi flagrado enquanto a paciente estava dopada.

PRISÃO EM FLAGRANTE

Giovanni foi preso em flagrante por estupro de vulnerável na madrugada desta segunda-feira (11/7), pela Delegacia de Atendimento à Mulher de São João de Meriti. No ato da prisão, demonstrou surpresa e permaneceu em silêncio. A pena para o crime é de 8 a 15 anos de prisão.

Veja momento da prisão do médico anestesista suspeito de estuprar grávida

Comentários

Mais Lidas