Caso Alec Baldwin

Alec Baldwin: Novos detalhes sobre morte em set de filmagem são divulgados; veja últimas notícias sobre investigações da morte de Halyna

Entre as descobertas, já se sabe quem entregou revólver a Alec Baldwin dizendo que arma estava era segura

Gabriel dos Santos Araujo Dias
Gabriel dos Santos Araujo Dias
Publicado em 23/10/2021 às 13:45
Reprodução/ Instagram
FOTO: Reprodução/ Instagram
Leitura:

As investigações sobre a morte da diretora de fotografia Halyna Hutchins no set de filmagens do filme "Rust" já fizeram algumas descobertas. De acordo com um pedido de busca e apreensão autorizado pela Justiça, já há um nome indicado sobre quem entregou a arma que matou a profissional nas mãos do ator Alec Baldwin, de 63 anos. A tragédia aconteceu na última quinta-feira (23) e comove todo o mundo.

Segundo apuração da rede britânica BBC, o pedido autorizado pela Justiça de Santa Fé, no Novo México, diz que a arma foi entregue pelo diretor assistente Dave Halls. Segundo os investigadores, Halls não sabia que a arma estava carregada com munição de verdade. O profissional chegou a gritar para a equipe: "arma fria", segundo o documento. Ainda não se sabe quem, de fato, carregou a arma nem por qual razão.

>>> Veja quem era Halyna Hutchins.

>>> LEIA MAIS: O que é uma arma cenográfica?

Apesar disso, por enquanto, ninguém foi preso nem há uma denúncia formal contra ninguém da equipe. Ainda na quinta-feira, enquanto as vítimas dos tiros eram socorridas, Alec Baldwin foi voluntariamente até a delegacia prestar depoimento. Após responder as perguntas, ele foi liberado.

Ator Alec Baldwin tem 63 anos
Ator Alec Baldwin tem 63 anos
Reprodução/ Facebook

O que mais foi descoberto?

Segundo uma testemunha disse ao jornal The Sun, o momento dos disparos de Alec foram gravados. A equipe ensaiava a cena, mas já fazia gravações informais. As câmeras estavam voltadas para o ator. As vítimas dos disparos estavam atrás dos equipamentos e não foram gravados no momento em que foram atingidos pelos tiros.

"Ele e estava atirando na direção das câmeras durante uma cena de ensaio que estava sendo gravada", afirmou a fonte sem se identificar. De acordo com a CNN, a polícia recolheu a roupa que Baldwin vestia durante a gravação da cena. Armas foram recolhidas para perícias.

Segundo apurou a revista Variety, o ambiente de gravação do filme Rust era "caótico" e sem segurança. Antes do tiro que matou a diretora e deixou um outro diretor ferido no ombro, há relatos de que uma outra arma já havia disparado, igualmente, de forma acidental dentro de uma cabine, o que provocou um barulho intenso.

Integrantes do sindicato Aliança Internacional de Funcionários de Palco Teatral (IATSE, na sigla em inglês) pediram demissão pouco depois de começar as filmagens por não sentirem segurança. Ainda de acordo com a reportagem, outros profissionais deixaram a equipe por serem contrários à ausência de protocolos rígidos de prevenção contra o novo coronavírus. As gravações haviam começado em 6 de outubro.

Pouco antes do tiroteio fatal, funcionários haviam pedido desligamento por estarem contrariados com o fato de estarem hospedados em hotéis mais baratos e distantes uma hora do local das gravações.

As acusações levaram a produção do filme a se pronunciar. "A segurança de nosso elenco e equipe é a principal prioridade da Rust Productions e de todos os associados à empresa. Embora não tenhamos sido informados de nenhuma reclamação oficial relativa à segurança de armas ou propulsores no set, estaremos conduzindo uma revisão interna de nossos procedimentos enquanto a produção é encerrada. Continuaremos a cooperar com as autoridades de Santa Fé em sua investigação e oferecer serviços de saúde mental para o elenco e a equipe durante este período trágico", disse a produção por meio de nota.

O que ainda falta saber?

Além de saber quem carregou a arma e por quê, ainda é necessário esclarecer qual o tipo de punição os responsáveis vão ter. Por enquanto, não há nenhuma denúncia formal sobre o caso, que é tratado pela imprensa internacional como um acidente. Ainda não se sabe também se o filme será concluído e disponibilizado para o público assistir nem como os grandes estúdios americanos vão trabalhar com armas cenográficas a partir de agora.

Mais Lidas